fbpx

6 pontos para levar em conta sobre como escolher bons fornecedores

Está sem tempo para ler? Sem problemas! Preparamos um player para você ouvir este conteúdo e ficar por dentro do assunto.

Saber como escolher bons fornecedores é um desafio para o sucesso de qualquer negócio. Isso é ainda mais verdadeiro se considerarmos as empresas do ramo de varejo, como supermercados e hortifrútis.

Os supermercados dependem significativamente destes parceiros para operar. Nesse sentido, uma gestão de fornecedores eficiente faz toda diferença, pois garante a qualidade dos produtos e a diminuição de perdas.

Inclusive, estes são um dos maiores problemas encarados pelos supermercados. Segundo a 19º Avaliação de perdas no varejo brasileiro de supermercados, realizada pela ABRAS (Associação Brasileira de Supermercados), o setor registrou R$ 6,7 bilhões em perdas em 2018. E, dentre as causas que acarretaram nesse número, 6,9% estão relacionadas aos parceiros comerciais por conta da falta de conferência nas entradas e devolução de avarias.

Por isso, se você deseja melhorar sua gestão, é preciso saber como escolher bons fornecedores e otimizar seus processos.

A seguir, apresentamos os benefícios de fazer uma boa avaliação e 6 fatores críticos que você não pode deixar de considerar nessa tarefa. Confira!

Como escolher bons fornecedores? Conheça 6 fatores críticos

1. Qualidade

O primeiro fator que você deve avaliar é a qualidade dos produtos oferecidos.

Em primeiro lugar, verifique se a empresa cumpre com todos os requisitos das regulamentações técnicas e se está em conformidade com as questões legais, como a rastreabilidade de produtos.

Depois, avalie se os itens estão de acordo com os critérios da sua empresa, as políticas internas e o padrão de qualidade preestabelecido.

2. Produção

Outro fator a ser considerado é a capacidade de produção. Certifique-se de que suas demandas serão atendidas sempre que necessário.

Para isso, a empresa terceirizada deve ser capaz de produzir uma quantidade de produtos suficientes para as suas necessidades e em tempo hábil para que não prejudique suas operações.

Mas, além de uma capacidade produtiva eficiente, não esqueça que os produtos devem manter um bom nível de qualidade.

3. Preço

Um dos pontos críticos no gerenciamento de fornecedores é o preço. Como em qualquer outro tipo de gestão, a busca pela otimização e economia de recursos é muito importante.

Sendo assim, antes de escolher os parceiros ideais, faça uma boa cotação, compare preços e verifique se os valores praticados estão dentro da média do mercado.

Lembre-se ainda de que, o mais importante aqui não é escolher aqueles com o preço mais baixo. O ideal é que você busque pelo melhor custo-benefício. Proponha negociações, considerando a possibilidade de descontos, mas sem deixar de lado o quesito qualidade.

4. Localização

A localização é um importante fator a ser considerado, pois tem grande influência na logística. Logo, para que você entenda como escolher bons fornecedores, considere a distância entre sua empresa e eles.

Avalie se negócios distantes ou de outras cidades, por exemplo, podem prejudicar o seu estoque. Considere também que a localização pode impactar os custos, gerando mais gastos do que o necessário.

Além disso, analise a disponibilidade de entrega! Isso é primordial para que sua empresa não fique desamparada. Caso você precise fazer pedidos com urgência ou prazos curtos.

5. Confiança

Um bom relacionamento com fornecedores é essencial para que a parceria dê certo e gere bons resultados. Por isso, invista em uma relação com base na confiança e transparência. Essa atitude será fundamental para minimizar riscos e perdas no seu negócio, a exemplo de entregas atrasadas ou erradas.

Para que seja possível construir essa relação saudável, é preciso que você faça uma boa avaliação e homologação de fornecedores. Conheça melhor as empresas e o estado de sua saúde financeira, além do histórico e da reputação que possuem no mercado.

6. Pós-venda

Bons fornecedores são parceiros do seu negócio. Nesse sentido, busque por aqueles com um processo qualificado de pós-venda.

Mesmo após as entregas dos produtos, é importante que eles ofereçam suporte e estejam dispostos a fazer ajustes, se necessário, como repor ou trocar produtos.

Benefícios de uma boa seleção e avaliação de terceirizadas

Uma vez que você sabe como escolher bons fornecedores, é possível melhorar sua gestão, obtendo vantagens nesse processo. Ao implementar os requisitos que mostramos acima, você ganha benefícios como:

Redução de custos

Uma seleção criteriosa, uma negociação estratégica e uma parceria mais duradoura trará melhores preços e, portanto, uma redução de custos significativa para a sua empresa.

Fidelização

Produtos de melhor qualidade aumentam o valor agregado na entrega final, deixando assim os clientes mais satisfeitos e gerando uma melhor reputação do seu negócio no mercado. Uma vez que o produto do seu supermercado é bom, os consumidores se tornarão fiéis.

Controle de estoque

Uma parceria mais forte entre o seu negócio e as empresas terceirizadas garante processos mais alinhados e integrados. Isso significa um melhor planejamento das compras, maior controle de estoque e rápida resolução de problemas para que não haja ruptura no seu hortifrúti.

De que forma é possível garantir uma gestão mais eficiente?

Como você viu, a avaliação eficiente e o desenvolvimento de fornecedores são aspectos essenciais para uma empresa. Além disso, a gestão de qualidade deve ser uma premissa básica para qualquer negócio.

Lembre-se de que uma boa gestão deve manter uma base de dados sempre atualizada para que você possa fazer um melhor acompanhamento dos seus parceiros comerciais.

Para isso, é importante contar com ferramentas que auxiliem no controle, facilitando as atividades operacionais e garantindo mais qualidade aos processos. Nesse sentido, o CLICQ e o AEN são duas soluções complementares que prometem trazer eficiência para o monitoramento dos seus fornecedores.

O CLICQ é uma plataforma voltada para a gestão da qualidade. Com ela, você pode fazer inspeções de recebimento, definir processos para garantir um alto padrão de qualidade e manter recursos prontos para auditorias.

Já com o AEN, você cuida de toda a sua parte financeira, controlando as informações comerciais e da cadeia de valor, melhorando o fluxo de caixa e gerando novos negócios com a antecipação de recebíveis. Além disso, fortalece o relacionamento entre empresas que enfrentam dificuldade para visualizar, acompanhar e rastrear seus fornecedores.

Quer saber mais a respeito? Então, conheça as soluções da PariPassu e da Nexxera.

Para saber mais acesse o nosso E-book: Manual de boas práticas para tornar a gestão de fornecedores mais eficiente.

Blog post em parceria com:

grupo nexxera

Deixe o seu comentário

[fbcomments]

Artigos Relacionados

  • PariPassu

    Gestão da manutenção interfere na qualidade do alimento

    continue lendo
  • PariPassu

    8 podcasts imperdíveis para quem trabalha com alimentos

    continue lendo