Mapeamento de processos em supermercados: por que fazer?

Leia mais: Como prevenir quebras e rupturas em estoques de supermercados?   

O dia a dia em operações de supermercados e atacados possui vários desafios e a organização é fundamental para garantir o sucesso de um negócio. Porém, antes de qualquer coisa, é preciso conhecer a fundo essa dinâmica e realizar o mapeamento de processos!

Prefere escutar o conteúdo? Clique no player abaixo e aproveite:

 

Vamos, então, conversar mais sobre o assunto neste artigo para entender os motivos pelos quais o reconhecimento de todas as atividades é tão importante? Boa leitura e, quando terminar, compartilhe com a nossa equipe se este artigo foi útil para você!


Por que fazer o mapeamento de processos em supermercados

Mapear todo e qualquer procedimento nas rotinas varejistas permite a compreensão integral das tarefas diárias e do planejamento de um mercado. Essa prática expõe pontos de aprimoramentos com a finalidade de economizar tempo, dinheiro e esforço das equipes

É como tirar um raio X de uma loja e obter a visão de cada atividade necessária para sustentar o funcionamento da empresa, como: 

  • controle de estoque;
  • planejamentos e ações de Marketing;
  • gestão dos Recursos Humanos;
  • relacionamento com o cliente;
  • controle financeiro;
  • contato e parcerias com fornecedores;
  • movimentação das mercadorias em loja.

Dependendo do porte e da configuração, seu estabelecimento pode ter mais procedimentos além dos citados acima. Porém, é muito difícil algum desses tópicos não fazer parte desse contexto.

O mapeamento de processos externaliza esse conhecimento e permite que não somente os gestores como toda a equipe possam ter domínio sobre cada atividade desempenhada no cotidiano


7 vantagens de mapear processos no varejo

São diversos os benefícios para a gestão de supermercados e atacados ao identificar etapas e necessidades do negócio. Vamos conhecer cada um deles a seguir!


1 - Padronização das atividades

O principal aspecto para o qual o mapeamento de processos contribui é a possibilidade de padronizá-los. Estamos falando de padrões de fichas técnicas e de procedimentos operacionais que podem facilitar as auditorias de loja, fiscalizações e funções no dia a dia.

Qualquer estabelecimento, independente do porte ou do tipo, precisa formalizar rotinas para garantir a qualidade das entregas realizadas diariamente

Isso estimula mudanças significativas, como:

  • implantação de práticas para prevenção de perdas;
  • estrutura básica para aquisição de sistemas de tecnologia;
  • melhores condições para verificação do cumprimento das atividades. 


2 - Rotinas mais eficientes

Quando todas as pessoas envolvidas nas operações sabem o que fazer com padrões pré-estabelecidos, tudo flui mais facilmente. 

A parametrização favorece a utilização de recursos em potencial máximo, pois determina e delimita os papéis dentro da empresa. Isso gera economia de tempo e, consequentemente, de custos, e ainda agrega ganhos de produtividade aos trabalhos. 

Esse é o caminho para a eficiência operacional que qualquer supermercadista quer atingir!

Ainda não tem rotinas estabelecidas dentro do seu varejo? Que tal começar com rotinas de inspeção de loja? Clique no link abaixo e baixe nosso Guia de Implementação de Rotina de Inspeção de Lojas para Supermercados:

Baixe aqui: Guia de Implementação de Rotina de Inspeção de Lojas para Supermercados


3 - Otimização de treinamentos

Um varejo que faz o mapeamento de processos é capaz de detectar os pontos de evolução da equipe para atingir seus objetivos. 

Assim, a oferta de cursos adequados à realidade da empresa favorece a aplicação instantânea dos aprendizados. Esse é um direcionamento essencial para que treinamentos e capacitações não aconteçam em vão e contem com maior engajamento dos colaboradores

Você pode, inclusive, encontrar oportunidades de cursos entre as opções oferecidas pela Academia PariPassu:

Conheça a Academia PariPassu aqui.

4 - Agilidade

Quando as tarefas são realizadas dentro de rotinas, qualquer não conformidade pode ser notada facilmente. Ou seja: falhas e eventuais problemas podem ser rapidamente revertidos com correções e melhorias contínuas. 

Essa é uma medida fundamental para o êxito de programas de prevenção de perdas, por exemplo, e para resguardar a integridade da loja em fiscalizações de órgãos reguladores como a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA)

Com tomadas de decisão precisas e ágeis em meio a processos mais visíveis, é possível reduzir o desperdício de mercadorias e orientar adequadamente os esforços das equipes.

5 - Monitoramento de resultados

Medir os números é apenas uma parte do que é preciso para monitorar resultados. Para compreender o desempenho do seu estabelecimento, você deve fazer comparativos entre diferentes períodos e analisar indicadores com frequência.

E, então, deixamos aqui a pergunta para você, leitora ou leitor: é possível fazer isso sem mapear e padronizar processos?

Nossa equipe de especialistas responde, sem sombra de dúvidas, que não. Sem a consistência de uma rotina bem estabelecida, é muito fácil perder o controle e não conseguir apurar o que realmente está sendo alcançado com o trabalho diário

Mapear os processos vai revelar os indicadores ideais e permitir acompanhá-los para que você possa chegar a análises coerentes sobre o crescimento da loja. 


6 - Modernização da operação

Conhecer detalhadamente as atividades em supermercados e atacados é um pré-requisito para a aquisição de qualquer sistema ou solução de automação

E vale lembrar: essa é uma questão crucial para o sucesso. Mesmo porque o mapeamento não deve ser uma ação isolada: empresas que mantêm procedimentos manuais também não conseguem definir padrões e ficam para trás.

Aproveite o momento de apuração e reconhecimento das atividades para pensar em como modernizar os processos do seu varejo.


7 - Expansão para filiais

Uma loja sem padrões de processos já representa um cenário caótico. Imagine, então, toda uma rede sem critérios rigorosos para as atividades e controles do cotidiano. Devemos concordar que o futuro de um negócio nesses moldes não seria promissor, certo?

Mapear os procedimentos para padronizá-los possibilita a construção de um modelo operacional que pode facilmente ser replicado a outras filiais. Escalabilidade é essencial para empresas que visam o crescimento, então mantenha isso no radar!


A tecnologia é indispensável para processos mais eficazes

Ao longo do artigo, citamos os recursos tecnológicos mais de uma vez. E não foi à toa: para buscar a evolução das práticas e desenvolver o varejo, a transformação digital é cada vez mais necessária.

Um estudo da Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo (SBVC) apontou que o número de varejistas que investem em tecnologia passou de 69%, em 2020, para 90%, em 2021

Dedique atenção ao gerenciamento das suas rotinas e aposte em modernização para melhorar a qualidade dos processos do seu supermercado. Para entender mais sobre o assunto, queremos recomendar a leitura de outros materiais: