L.A Ferretti, um dos principais fornecedores de abacate no país, participa do maior evento de empreendedorismo do Brasil

La Ferreti

Evento atraiu 130 mil visitantes e registrou R$ 15,5 milhões em acordos comerciais firmados durante seus quatro dias

Um espaço voltado exclusivamente para o agronegócio reuniu diversos produtores rurais, de várias partes do Estado, que tiveram a oportunidade de apresentar seus produtos e estabelecer contatos com futuros parceiros comerciais. O espaço, denominado Empório das Representações, é uma parceria com o Sistema FAESP/SENAR-AR/SP e auxilia os produtores e artesãos rurais a acessar mercados, escoando seus produtos agroindustriais das cadeias produtivas de flores, laticínios, mel e derivados, olericultura, fruticultura, artesanato rural, entre outros.

“O evento foi muito interessante no sentido de posicionamento de marca. Muitos dos que passaram no stand são consumidores de nossos produtos nas diversas redes de varejo. Notamos que além de chamar muita atenção, as pessoas não imaginavam que produtores de frutas e outros poderia ser empreendedores também.” — explicou Jonas Octavio, Técnico Agrícola e Gerente Geral da L.A. Ferretti.

La Ferreti2

A Feira do Empreendedor 2016, do Sebrae-SP, realizada de 20 a 23 de fevereiro em São Paulo, recebeu em seus quatro dias 130 mil visitantes, um aumento de 25% sobre os 104 mil de 2015. Foi o público mais numeroso de suas cinco edições. O evento também atingiu R$ 15,5 milhões em negócios fechados, quase o dobro dos R$ 8 milhões previstos e a maior marca desde a primeira edição, em 2010.

A tônica nos corredores do Anhembi, onde ocorreu a Feira, foi fazer da empresa própria a saída para a crise econômica. Com a taxa de desemprego em alta, consequência da recessão, empreender passou a ser a solução encontrada por muitos para se obter renda. Na Feira, 83,43% dos presentes eram pessoas físicas e 16,57%, jurídicas, ou seja, um contingente significativo de interessados em se iniciar como empresários. Na edição de 2015, quando o desemprego estava em patamar mais baixo, 73,96% eram pessoas físicas e 26,04% jurídicas.

“A presença do grande público na Feira é a prova da confiança e esperança em si mesmo e no Brasil. As micro e pequenas empresas são muito importantes para o País, não só no momento de crise, mas em qualquer momento”, afirmou o presidente do Sebrae-SP, Paulo Skaf.

Quem esteve na Feira pôde, além de concretizar negócios, assistir a palestras, passar por consultorias, conhecer tendências e novidades, se informar sobre gestão, saber mais sobre linhas de crédito e se formalizar como Microempreendedor Individual (MEI). Futuros e atuais empresários encontraram um leque variado e rico em conteúdo para empreender com qualidade.

“Estou bastante surpreso com o movimento e a qualificação do público da Feira. O resultado foi positivo e além das nossas expectativas. Acredito que já temos uns dois meses pela frente de reuniões agendadas por conta dos contatos feitos na Feira. Tínhamos previsto crescimento de 50% no faturamento deste ano, mas acredito que com o resultado do evento esse número será superado”, afirmou o CEO da BeeHive Logística Integrada, Fernando Cebrian.

http://feiradoempreendedor.sebraesp.com.br

Deixe o seu comentário

Artigos Relacionados

  • PariPassu

    A Importância da Exposição do Hortifrúti no Layout do Varejo

    continue lendo
  • PariPassu

    Alimento com Propósito e a Rastreabilidade como agente de Desenvolvimento da Agricultura

    continue lendo