Como reduzir as devoluções utilizando Fichas Técnicas

POR PariPassu

Já falamos em nosso blog sobre a importância do controle de qualidade e como processos bem definidos contribuem para alavancar as vendas do seu negócio, agora vamos falar sobre aliar Fichas Técnicas ao controle de qualidade para garantir a padronização das inspeções de qualidade e assim entregar um produto seguro e competitivo no mercado.

As Fichas Técnicas são documentos que contém informações sobre os parâmetros ideais de qualidade de uma fruta, legume ou vegetal,  auxiliando no controle de qualidade durante a inspeção de cargas, armazenamento, comercialização e ponto de venda. As informações contidas nas fichas podem ser a respeito da coloração, calibre, peso da embalagem, estágio da maturação, danos e podridão, entre outros parâmetros de acordo com as especificações de cada produto.

Veja abaixo um modelo de Ficha Técnica de Laranja, note que a ficha é  ilustrativa, com imagens e parâmetros bem estabelecidos, facilitando a tomada de decisão do inspetor ou responsável.

telas_clicq

A importância das fichas técnicas está na padronização dos produtos, pois permitem separar diferentes lotes, com diferentes qualidades, por exemplo, por coloração e Brix, permitindo a cobrança por preços justos.

Por outro lado, na coleta de informações durante os check lists de inspeção de qualidade, é possível quantificar produtos descartados devido a danos e podridão.  Desta forma, as fichas técnicas permitem uma avaliação imparcial e padronizada dos produtos em verificação.

Além disso, aliar as fichas técnicas com as inspeções de controle de qualidade é uma estratégia para aumentar o volume de vendas, diminuindo o volume de devoluções, como foi o caso da Empresa Dallas São Paulo, com a utilização do aplicativo Clicq e as fichas técnicas obteve zero quilo devolvido.

grafico-dallas-sao-paulo

No gráfico acima, podemos acompanhar o decrescente índice de devolução dos produtos acompanhando o aumento médio das notas das inspeções de qualidade. As colunas representam a quantidade devolvida em quilos para cada mês. As linhas representam a evolução das
notas de inspeção de qualidade no momento do envio dos produtos ao cliente varejista.

É evidente que os parâmetros estabelecidos pela ficha técnica, de cada tipo de produto, auxiliam no processo de inspeção de qualidade, possibilitando o crescimento das notas de inspeção de qualidade.

Clique aqui e baixe grátis o “Estudo de Caso Dallas São Paulo” e confira  como a empresa reduziu o volume de produtos devolvidos através da implementação do Controle de Qualidade utilizando as Fichas Técnicas como apoio para a padronização das inspeções de qualidade.

 

Deixe o seu comentário

Artigos Relacionados

  • PariPassu

    O que a sua empresa ganha investindo na Gestão de Fornecedores?

    continue lendo
  • PariPassu

    Não Conformidade e Plano de Ação: entenda o que fazer

    continue lendo